Hot NewsVideo News

Paypal ajuda autoridades dos EUA a bloquear US$ 4 milhões em criptomoedas de serviço de streaming ilegal

Um relatório recente das autoridades dos EUA revelou que uma operação apreendeu mais de 4 milhões de Dólares em criptomoedas e dinheiro, que seriam resultado da pirataria de filmes. A Homeland Security Investigations (HSI) juntamente com a Motion Picture Association of America (MPAA) conduziram a investigação.

HIS é o órgão de Investigações de Segurança Interna americano, enquanto a MPAA é a associação cinematográfica dos EUA. A investigação está em andamento desde outubro de 2013. Na época, o PayPal denunciou à HIS dois serviços ilegais de streaming. Os dois supostos serviços de streaming chama-se Noobroom7 e Noobroom. A investigação descobriu que os donos do site pirata mantinha um portfólio diversificado, incluindo criptomoedas. As criptomoedas incluídas na lista foram Bitcoin, Ethereum, Bitcoin Cash e Litecoin.

Conforme documentos do tribunal, o tribunal federal do estado de Oregon ainda analisa o caso. As autoridades americanas tentam confiscar os fundos apreendidos. Segundo eles, o suposto proprietário do site de streaming estaria envolvido em conspiração para violação de direitos autorais e lavagem de dinheiro.

Após o relatório do HIS para a MPAA sobre os serviços de streaming, a MPAA deu os detalhes do caso. Os sites teram gerado grande receita por meio de pagamentos de assinatura, usando métodos de pagamento do PayPal e do Stripe.

Após a investigação, a MPAA enviou uma carta aos sites, com intuito de fazer o site com que ele encerrasse suas atividades. Apesar de cumprir as ordens e ter notificado seus usuários de que suas respectivas contas foram movidas, o Noobroom transferiu as contas dos usuários de seu website para um novo domínio. A MPAA descobriu então que o novo domínio estava ligado aos portais de pirataria Sit2Play.com e movietv.co.

Depois de uma investigação, a MPAA encontrou um indivíduo que teria recebido os valores da receita do serviço de streaming. Os arquivos judiciais revelam que o Noobroom recebeu cerca de 80 mil pagamentos de seus associados, totalizando US$ 6.373.816,57.

A relação de criminosos com o mundo das criptomoedas não é de hoje. Novas tecnologias oferecem certas vantagens que atrai esse tipo de atividade. Conforme reportado anteriormente, neste mês a policia alemã fechou os servidores de um marketplace que funcionava na DarkWeb e que tinha 1.2 milhões de usuários.

Fonte

Posts relacionados
Hot NewsTrending

Fundação Stellar vai distribuir R$ 500 milhões da criptomoeda XLM em rede social

Hot NewsTrending

Clientes pressionam Unick Forex sobre falta de pagamentos em evento da empresa

Hot NewsTrending

Órgão internacional contra lavagem de dinheiro vai coletar dados de quem tem criptomoedas

Hot NewsTrending

Banco do Brasil paga R$ 683 milhões por carteira de crédito do Banco Votorantim

Assine nossa Newsletter e
mantenha-se informado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha loading...